ESPECIAIS

Duplicação da BR-163, importante corredor do Agro, pode recomeçar em agosto

Compartilhar

#souagro| A obra de duplicação da BR-163 no trecho de Cascavel a Marmelândia, distrito de Realeza, que deveria ter ficado pronta em 2018, deve ser retomada no em agosto e com liberação de alguns trechos concluídos.

Isso porque o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes) lançou novo edital de licitação e o certame está marcado para ocorrer em 9 de agosto, com valor estimado de de R$ 55.477.977,96. A empresa contratada tem como missão dar continuidade à obra, parada porque a construtora anterior abandonou a duplicação.

 

Há expectativa dos usuários da via e também dos moradores para retomada das obras já em agosto. A licitação prevê liberação de tráfego pelo menos de 21 quilômetros de trechos já concluídos, a partir da contratação.

Segundo o presidente do Codesc (Conselho de Desenvolvimento de Cascavel) e vice-presidente do POD (Programa Oeste em Desenvolvimento) Alci Rotta Júnior, a rodovia é um dos principais corredores de exportação do estado. “O Oeste de Santa Catarina compra em média 5 milhões de toneladas de milho e de farelo de soja, do Paraná e do Mato Grosso do Sul, para abastecer a cadeia de produção animal deles. Então, o volume de tráfego da BR-163 é muito grande. Estamos esperançosos para liberação deste trecho, continuidade das obras, mas sabemos que o grosso mesmo dos investimentos virá apenas por meio do novo programa de privatização das rodovias do anel de integração do Paraná”, explica.

 

Sobre a duplicação

A duplicação já custou R$ 743 milhões aos cofres públicos. A obra deveria ter sido concluída em 2018, contudo, o trecho de pouco mais de 74 quilômetros está com as  obras paralisadas há mais de um ano. A quantidade de entrega não chegou a 30 quilômetros.

De acordo com o edital da licitação, o abandono das obras por parte da construtora acarretou em risco aos condutores que utilizam a rodovia para deslocamento. O DNIT abriu o novo edital para continuidade das obras.

 

Ainda está previsto no edital a execução de serviços necessários a manutenção e conservação na BR-467, trecho de Toledo a Cascavel e BR-163, trecho de Marechal Cândido Rondon a Toledo.

(Tatiane Bertolino/Sou Agro)

Foto: Estradas.com.br

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.