tecnologia

Tecnologia no campo: participe do futuro do agronegócio

Débora Damasceno
Débora Damasceno
tecnologia

#souagro| Estudo conduzido pelo Sebrae, em agosto de 2020, constatou que 84% das propriedades agropecuárias do país já incorporavam algum tipo de tecnologia digital em suas rotinas. O investimento, cada vez mais alto, criou um ambiente fértil para o fortalecimento das agritechs. Para impulsionar esse modelo de negócio, essencial ao desenvolvimento da cadeia produtiva nacional, o Sindicato das Indústrias Avícolas do Paraná (Sindiavipar), com parcerias promove uma seleção de startups, que poderão compartilhar seu trabalho, produtos e serviços que solucionam desafios da avicultura. Os escolhidos farão essa exposição na Arena de Inovação, novidade do Workshop Sindiavipar 2022, a se realizar nos dias 22 e 23 de novembro.

 Em sua sétima edição, o evento, já tradicional na avicultura paranaense, terá como objetivos centrais o debate e o estímulo à inteligência técnica e mercadológica do setor de tecnologia. A produção do Paraná é responsável, hoje, pelo maior volume de produção e exportação de carne de frango do país, e o olhar atento para novos horizontes e práticas que auxiliam a manter essa conquista e permanecer em evolução. Sob o slogan “Protagonismo, Sustentabilidade, Futuro. Juntos somos inovação”, o workshop terá a participação de 12 empresas ou agritechs envolvidas no aprimoramento da atividade avícola.

 

A Arena de Inovação contará com realidade virtual, apresentação de soluções tecnológicas e palestras. As inscrições de startups para esse espaço já estão abertas e seguem até 30 de setembro. Os selecionados, que devem atender a alguns requisitos, serão anunciados no dia 15 de outubro. Para se inscrever, basta acessar este link.

tecnologia

Para o presidente do Sindiavipar, Irineo da Costa Rodrigues, a produção avícola no Paraná precisa estar amparada por dados, estudos e equipamentos de precisão, como internet das coisas, Big Data, coud computing, inteligência artificial e realidade virtual. “Assim, melhoramos a competitividade estadual e nacional, construindo gestões mais eficientes, contribuindo para assertividade e agilidade na tomada de decisões e na previsibilidade de cenários, otimizando recursos e diminuindo custos. Tudo isso, claro, aumenta significativamente nossa produção”, afirma.

 

Jorge Augusto Werlich, gerente de contas-chave de Avicultura da MSD Saúde Animal, destaca a importância de apoiar a Arena de Inovação e o quanto vai ao encontro dos objetivos da companhia com relação a tecnologia. “A MSD Saúde Animal está preocupada em apoiar os produtores a conseguirem ter acesso às tecnologias disponíveis no mercado, para atingirem os melhores índices produtivos, terem mais rentabilidade e alcançarem uma competitividade ainda mais expressiva. Por isso, a empresa está alinhada às iniciativas de inovação, para produzir mais e melhor na mesma área, atendendo ao bem-estar animal, com inteligência de dados e ações assertivas.”

(Débora Damasceno/Sou Agro – com assessoria)

(Foto: Envato)

 

(Débora Damasceno/Sou Agro)

Entre em um
dos grupos!

Mais Lidas

Notícias Relacionadas