Exportação de café é 54% maior que 2021

Compartilhar

As exportações brasileiras de café em grão em abril chegaram a um total de 2.762.410 sacas de 60 quilos. Com 19 dias úteis computados (média diária de 145.390 sacas), com receita chegando a US$ 679,383 milhões (média diária de US$ 35,757 milhões), e preço médio de US$ 245,94 por saca. Os dados são da Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

A receita média diária obtida com as exportações de café em grão em abril foi 53,8% maior no comparativo com a média diária de abril de 2021, que fora de US$ 23,246 milhões. Já o volume médio diário embarcado foi 15,8% menor que o de abril de 2021, que tinha o registro de 172.642 sacas diárias de média. O preço médio, por sua vez, disparou 82,7%.

 

 

Já as exportações de café dos países membros e não-membros da Organização Internacional do Café (OIC) totalizaram 13,16 milhões de sacas de 60 quilos em março, sexto mês da safra mundial 2021/22, contra 12,65 milhões de sacas registradas no mesmo mês de 2021, elevação de 4%.

Os embarques acumulados da safra 2021/22, entre outubro e março, somaram 66,25 milhões de sacas, queda de 0,1% em relação aos cinco primeiros meses da temporada 2020/21, quando foram embarcadas 66,3 milhões de sacas.

Conforme a OIC, nos últimos 12 meses encerrados em março de 2022, a exportação de arábica totalizou 80,9 milhões de sacas, ante 82,67 milhões de sacas nos 12 meses precedentes, queda de 2,14%. Já o embarque de robusta no período foi de 48,9 milhões de sacas em comparação com 47,81 milhões de sacas nos últimos 12 meses até março de 2021, representando aumento de 2,3%

 

 

O indicador de preços composto da Organização Internacional do Café (OIC) subiu 1,8% em abril, para 198,37 centavos de dólar por libra-peso, na comparação com março (194,78 centavos). Em seu relatório mensal de acompanhamento do mercado, a OIC destacou que todos os grupos de cafés tiveram preços mais altos em abril. Para os Outros Suaves, a alta foi a mais intensa, de 2,7%.

A entidade salientou ainda que, apesar do crescimento das exportações de café verificado em março, os embarques nos seis primeiros meses da safra 2021/22 caíram 1,4%, para 59,29 milhões de sacas, na comparação com 60,14 milhões de sacas do período correspondente de 2020/21.

 

(Fonte: Secex e Agência Safras)

 

 

(Foto: pixabay)

Compartilhe em suas redes sociais:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.