Acordo entre Brasil e Japão visa desenvolver agricultura digital

Compartilhar

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o governo japonês, por meio da Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA), assinaram os documentos base do projeto “Desenvolvimento Colaborativo da Agricultura de Precisão e Digital para o Fortalecimento do Ecossistema de Inovação e a Sustentabilidade do Agro Brasileiro”. A parceria foi firmada como passo para iniciar o projeto de cooperação internacional entre Brasil e Japão com vistas ao desenvolvimento da agricultura digital e de precisão no Brasil.

O projeto visa promover o desenvolvimento de tecnologias agroindustriais sustentáveis, melhorar a produtividade e a sustentabilidade ambiental, e a rentabilidade do setor agrícola por meio da colaboração público-privada entre o Japão e o Brasil. Além disso, pretende apoiar o estabelecimento de uma plataforma de dados digitais da agropecuária.

 

Além de apoio ao ecossistema de inovação agropecuária no Brasil, o projeto tem como principais componentes o desenvolvimento de uma plataforma de dados da agropecuária brasileira para disseminação de tecnologias e informações e a execução de três projetos piloto nas cadeias produtivas de pecuária de corte, grãos e sistemas agroflorestais.

Para o coordenador-Geral de Inovação Aberta do Mapa e um dos responsáveis técnicos pelo projeto, Daniel Trento, essa cooperação tem sido muito esperada pelos dois países. “O Japão é um parceiro de longa data da agricultura brasileira, pois foi um dos principais parceiros nos projetos da década de 1970 que contribuíram para o desenvolvimento do agro brasileiro. Desta feita, o projeto visa somar a experiência e dimensão da agropecuária brasileira de um lado, com a experiência do Japão no tocante às tecnologias de ponta na área digital”, destacou.

Após os trâmites diplomáticos para formalização dos documentos assinados na sexta-feira, como próximos passos, está previsto para o segundo semestre de 2022 o início das primeiras ações oficiais do projeto.

(Fonte: Mapa)

 

(Foto: reprodução internet)

Compartilhe em suas redes sociais:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.