ESPECIAIS

Estiagem causa alerta no abastecimento de água

Compartilhar

As cidades de Nova Prata do Iguaçu, Salto do Lontra, Salgado Filho, Capanema e Planalto estão em estado de alerta em relação à água. A estiagem prolongada tem afetado drasticamente a vazão dos mananciais em alguns municípios no Sudoeste do Paraná e as altas temperaturas geram aumento no consumo.

Nos rios Siemens, Tamanduá, Santa Cruz, Salto do Lontra e Cotegipe, que abastecem essas cidades, a redução da vazão chega, em média, a 60%, colocando em risco o fornecimento de água para a população. Já estão em rodízio Santo Antônio do Sudoeste, Pranchita, abastecidas por poços, e Dois Vizinhos, abastecida pelo Rio Girau Alto e por poços.

 

Para que não seja necessária a implantação do rodízio, é preciso a cooperação de todos. O alerta da Sanepar é para que a população mantenha o uso racional da água, priorizando a alimentação e a higiene pessoal.

As limpezas pesadas, lavagens de veículos, calçadas, fachadas e a irrigação de hortas e jardins são atividades que devem ser adiadas até que a situação volte à normalidade.

 

DICAS DE ECONOMIA

Não deixar a torneira aberta o tempo todo ao lavar as mãos ou a louça evitará que vários litros de água tratada sejam desperdiçados. Faça a barba com a torneira fechada. Banhos rápidos também ajudam na economia. Cinco minutos embaixo do chuveiro ligado consomem aproximadamente 70 litros de água. Ao escovar os dentes é necessário apenas um copo de água. Usar a vassoura antes de lavar a calçada, que deve ser feita com água usada na lavagem de roupa ou da chuva, ajudam a poupar.

Ao usar a máquina, é recomendado juntar o maior volume possível de roupas para lavar de uma só vez. A água do último enxágue, no tanque ou na máquina, pode ser usada para ensaboar tapetes, tênis, cobertores, pisos e calçadas.

 

Os maiores ladrões de água são os vazamentos, torneira pingando e descarga desregulada. É necessária manutenção regular. Em época de estiagem, o ideal é não lavar carros. Se for extremamente necessária a limpeza, deve-se usar balde e pano, reaproveitando a água da chuva ou da lavagem de roupas.

Ao encontrar qualquer tipo de vazamento de água na rua avise imediatamente a Sanepar pelo Serviço de Atendimento ao Cliente, que é feito pelo telefone 0800 200 0115, 24 horas por dia. Para tirar dúvidas sobre a situação do seu imóvel, ao ligar, tenha em mãos a conta de água ou o número de sua matrícula.

 

(FONTE: Agência de notícias do Paraná)

 

 

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.