ESPECIAIS

Caseiro de propriedade é preso por crime ambiental no PR

Compartilhar

#souagro| O caseiro de uma propriedade rural foi preso em Palmas, no Paraná, acusado de crime ambiental. Ele e mais dois homens foram detidos nesta quinta-feira (28), após denúncias.

Segundo a polícia, eles foram flagrados com um trator e uma escavadeira destruindo a vegetação, derrubando e enterrando árvores, além da destruição de uma nascente, o que é considerado crime ambiental. Cerca de 10 alqueires de mata foram danificados.

 

Além dos três detidos, as duas máquinas foram apreendidas. Destruir ou danificar vegetação primária ou secundária, em estágio avançado ou médio de regeneração, do Bioma Mata Atlântica, ou utilizá-la com infringência das normas de proteção leva à detenção de um a 3 anos, ou multa, ou ambas as penas cumulativamente.

(Tatiane Bertolino/Sou Agro)

Foto: Polícia Militar

 

 

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.