ESPECIAIS

Endemias alerta para cuidados com escorpião nas áreas rurais

Compartilhar

#souagro| O setor de Endemias de Toledo, região Oeste do Paraná, orienta para cuidados com escorpiões nas áreas rurais e urbanas do município, por conta da alta incidência destes animais neste ano.

Na área rural do município, o principal problema é com escorpião preto, que não é venenoso, mas mesmo assim requer alguns cuidados. “Se ele tem local para procriação é por que aquele ambiente está propício para isso, e é por isso que orientamos a população a buscar o setor de Endemias a partir do aparecimento desses animais”, afirma Lilian Konig, coordenadora do setor de Endemias do município.

 

Já na área urbana o aparecimento é do escorpião do tipo amarelo, que é venenoso e pode causar morte em caso de picada. O aumento de casos de recolhimento de escorpiões, para o setor, diz respeito às próprias orientações dadas: antes a população não sabia a quem recorrer ao encontrar um deste. O setor faz o recolhimento para controle. Este trabalho ocorre à noite, já que é neste horário que o animal sai para se alimentar.

“Orientamos a população a manter o quintal o mais limpo possível, sempre que fazemos vistoria do mosquito da dengue. E aproveitamos para conscientizar sobre o aparecimento de escorpião, que é muito perigoso. Este tipo de animal gosta de folha seca, de entulho, então a nossa orientação é para que o morador faça essa gestão de resíduos da melhor forma possível para que o local não vire criadouro de escorpiões. E ainda se houver escorpião no local, chamar o setor de Endemias”, orienta.

(Tatiane Bertolino/Sou Agro)

Foto: Endemias/Toledo

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.