Granizo e ventos fortes destroem lavouras no Paraguai

Compartilhar

#souagro| Depois do granizo que destruiu várias propriedades rurais no Paraná, agora uma situação parecida ocorreu no Paraguai. A chuva de pedras de gelo acompanhada de ventos fortes deixou uma rastro de devastação no país vizinho.

O temporal durou pouco menos de meia horas, mas destruiu as lavouras principalmente de milho, o local mais afetado foi o distrito de Los Cedrais no departamento de Alto Paraná. Algumas áreas com o cultivo de soja também foram afetadas. Além do granizo, teve registro de quedas de árvores.

granizo

 

granizo

 

Segundo as informações, o prefeito, Aldo Mareco confirmou os estragos e afirmou que relatório indica que na área urbana, a queda o granizo não era tão intensa a ponto de causar danos e que o prejuízo maior foi na área rural. Um levantamento das perdas está sendo realizado.

granizo

O prefeito afirmou que não tem dados sobre danos em residências e que as lavouras mais prejudicadas foram “soja e milho” em uma área de 2 quilômetros de largura e 3 quilômetros de extensão, em propriedades de cinco famílias. Os afetados são produtores rurais conhecidos como Brasiguaios: “A soja estava a 10 dias de ser colhida e, pelo que se vê nas fotos, o granizo abriu as vagens”, detalhou Aldo. 

 

granizo

 

Em Cidade do Leste, cidade que faz divisa com Foz do Iguaçu, no Paraná também foram registradas fortes chuvas, mas sem vento forte ou granizo.



(Débora Damasceno/Sou Agro com ABC e UH)


(Fotos: reprodução redes sociais)

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.