ESPECIAIS

Churrasco é agro: retomada da festa do trabalhador terá mais de 500 costelões

Compartilhar

#souagro| Depois de dois anos suspensa, a tradicional festa do trabalhador de Cascavel está de volta. Por conta da pandemia, a festividade havia sido suspensa, mas hoje muita gente vai comemorar essa data no Seminário São José e aquelas imagens das centenas de costelões de chão no fogo serão renovadas hoje.

Os preparativos começaram bem antes, dezenas de voluntários trabalham no processo de preparo da carne, afinal são mais de 500 costelões de chão e duas mil costelinhas. O fogo para assar os costelões foi aceso durante a madrugada de hoje (1) para começar a servir por volta das 11 da manhã de hoje.

View this post on Instagram

A post shared by Sou Agro (@portalsouagro)

A expectativa é de que o público seja parecido com as edições anteriores, cerca de 10 mil pessoas devem participar do evento que é conhecido por realizar um dos maiores churrascos com costela de chão do mundo.

 

OPÇÕES DE ALMOÇO

Para comprar a carne do almoço do dia do trabalhador há três opções: o costelão inteiro que custa R$800 e pesa entre 18 e 20 quilos e serve uma média de 25 pessoas. Tem a opção para 4 a 5 pessoas que custa R$140 e pesa aproximadamente 3 quilos, ou também o almoço individual que é R$50 com carne e buffet com os acompanhamentos. Mais informações é possível ligar no (45) 3223-36131.

FESTA TRADICIONAL

A primeira festa do trabalhador do Seminário São José foi realizada em 1966. Desde então se tornou referência e um evento tradicional na região Oeste. O maior número de costelões assados foi de 725 e ocorreu há 15 anos. O evento é em homenagem aos trabalhadores e a São José Operário, padroeiro do seminário. Além disso, a festa garante ajuda financeira para manutenção do espaço.

 

A BUCHADA

O dia que antecede a festa do trabalhador é marcado pela buchada que é servida no jantar. Neste ano foram preparadas duas toneladas do alimento que começou a ser preparado na madrugada de ontem e foi servido a noite. Voluntários de várias cidades da região ajudam no preparo do prato.

(Débora Damasceno/Sou Agro)

 

(Foto: divulgação)

 

 

 

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.