ESPECIAIS

FAEP lamenta falecimento do vice-presidente, Nelson Paludo

Compartilhar

O sistema sindical paranaense e a agropecuária estadual perderam uma das suas principais lideranças. Nesta segunda-feira, dia 5 de julho, Nelson Natalino Paludo, 65 anos, faleceu em decorrência de complicações causadas pela Covid-19, em um hospital de Toledo, na região Oeste, onde estava internado há algumas semanas. Paludo era vice-presidente da FAEP, presidente da Comissão Técnica de Cereais, Fibras e Oleaginosas da entidade, presidente do Sindicato Rural de Toledo, além de um dos principais produtores da região Oeste do Estado.

Paludo esteve ligado ao sistema sindical paranaense e à defesa dos interesses dos produtores rurais do Estado nas últimas décadas. A liderança comandava o Sindicato Rural de Toledo desde 2001, sendo reeleito para o cargo em abril deste ano. Ainda, Paludo era vice-presidente da FAEP pela segunda gestão, tendo participado de diretorias anteriores da entidade em outros cargos.

“Paludo foi um grande companheiro. Sempre muito atuante, ativo e participativo, ele ajudou em muitas conquistas para a agropecuária do Paraná. Com certeza, o setor, a FAEP e os produtores rurais perdem uma importante liderança, mas que deixa um enorme legado”, destaca Ágide Meneguette, presidente do Sistema FAEP/SENAR-PR.

O vice-presidente da Comissão Técnica de Cereais Fibras e Oleaginosas e presidente do Sindicato Rural de Maringá, José Antônio Borghi, também lamentou a partida do companheiro de lutas. “Muito triste. Era um líder, um representante realmente fiel dos agricultores paranaenses. Um baita de um parceiro, que nos deixa como legado a importância de ser comprometido com as instituições ligadas à agricultura. Acho que nos resta, como companheiros, segurar mais fortemente ainda as bandeiras que ele defendia, tentando prestigiar o legado que ele deixou”, afirma Borghi.

Para o vice-presidente do Sindicato Rural de Toledo, Nelson Gafuri, uma das principais características de Paludo era a habilidade de ouvir e transformar as ideias em ações.

“Nelson Paludo foi um líder sindical indiscutível, sempre disposto a ouvir os produtores rurais e assumindo compromissos com o setor e com o sindicato, aos quais ele dedicou sua vida. Foi um grande parceiro e uma pessoa admirável”, afirma Gafuri.

O presidente do Sindicato Rural de Medianeira, Ivonir Lodi, destaca a atuação de Paludo nas lutas dos agricultores paranaenses. “Nós de Medianeira tínhamos o seu Nelson como um ícone de liderança. Lutamos várias batalhas juntos em prol da agricultura, às vezes em Brasília, como foi o caso do Código Florestal, e ele sempre foi um daqueles que puxou a frente dessas lutas. Ele sempre foi um exemplo. Pessoa muito ponderada e firme quando decidia alguma coisa. Ele vai fazer muita falta no nosso núcleo”, referindo-se ao Núcleo Regional dos Sindicatos Rurais do Oeste do Paraná (Nurespop), do qual ambos faziam parte.

O Sistema FAEP/SENAR-PR lamenta o falecimento e deixa registrado as condolências à família e amigos e os agradecimentos pelas contribuições.

FONTE: FAEP 

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.