Veja quais são os três frigoríficos do Paraná embargados pelos árabes

Compartilhar

 

#souagro | A decisão da Arábia Saudita de suspender a habilitação de 11 frigoríficos brasileiros – dentre os quais três localizados no Paraná -, de exportar carne de frango para aquele país passou a valer no domingo. A decisão foi anunciada no dia 5 de maio, por intermédio de uma lista publicada pelo Saudi Food and Drug Authority.

O Ministério das Relações Exteriores, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Associação Brasileira de Proteína Animal e Câmara de Comércio Árabe-Brasileira ainda desconhecem o motivo do embargo.

No Paraná, os três frigoríficos afetados com a medida são as unidades da Seara Alimentos em Campo Mourão e dois da Vibra Agroindustrial, em Pato Branco e Itapejara D´Oeste. O Itamaraty informou que a alegação apresentada, é sustentada pelo fato de os produtores exportados pelas empresas envolvidas teriam “ultrapassado os limites e padrões microbiológicos estabelecidos pelo Regulamento Técnico GSO nº 1016/2015”. Não houve a apresentação de quais microrganismos identificados nas cargas das empresas com as habilitações suspensas. A suspeita seria a presença de salmonela nas cargas enviadas ao Oriente Médio.

Outra barreira sanitária anunciada pela Arábia Saudita envolve a redução do prazo de validade da carne de frango de um ano para três meses, contados a partir da data dos abates dos lotes. E além do Brasil, a decisão ecoará em outros países.

 

Associação Brasileira de Proteína Animal pede Socorro

Milho argentino para suprir demanda interna

 

Com relação aos prazos de validade, os países-alvo da medida têm até o dia 5 de julho para apresentar seus argumentos e defesas junto à Organização Mundial do Comércio.

Além dos dois frigoríficos já citados no texto acima, os demais frigoríficos são: mais quatro da Seara Alimentos, em Amparo (SP), Brasília (DF), Caxias do Sul (RS) e Ipumirim (SC). Mais um da Vibra Agroindustrial: Sete Lagoas (MG), dois da JBS, em Montenegro (RS) e Passo Fundo (RS) e um da Agroaraçá, em Nova Araçá (RS).

(Vandré Dubiela/Sou Agro, com Notícias Agrícolas)

 

Clique aqui e receba notícias do agronegócio em seu celular

Se conecte com nossas redes sociais:

Publicidade

Publicidade

Copyright © 2021 Sou Agro | CNPJ: 39.541.312/0001-48 — Todos os direitos reservados.

Sou Agro

AD BLOCKER DETECTED

Percebemos que você tem um adblocker habilitado que restringe os anúncios veiculados no site.

Please disable it to continue reading Sou Agro.